sábado, 29 de setembro de 2012

... o amor vai andando 
caminhando,
as vezes voando,
abraçando no meio da rua
beijando no cinema
correndo na chuva,
sondando os novos cheiros,
os dias inteiros,
as almas fazendo poema
este   amor... preenchendo
o céu da boca, o véu da vida.



segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Se o amor não fosse tão grande
quanto um lençol que cobre o horizonte,
e minha vida fosse menos,
eu te daria minha alma
para navegar em mim.

Nunca fui tão linda, nem tão boa, nem tão eu.  Mais facilmente me balanço na teia da aranha, vejo flores de outras cores. Passarin...