Janeiro para quem mora
na linha do Paralelo 30
é sempre um perigo,
o calor de forno,
não deixa nem suspiro,
vir à tona.
Pensamentos suados
são condenados,
rimas alteradas são descaradas.
A felicidade é andar pelado sem
legenda nem marcas...
 Porto Alegre

Comentários

Postagens mais visitadas