Invejo aquele que não lê/não sabe nada/
não se preocupa com a crise existencial
no meio das frases/
a palavra mal dita/
ou/
a elegancia da escrita.
Morro de inveja dos abusados
de ignorancia/
os mal letrados/
os vazios de informação.
A palavra aproxima tanto
que afasta...

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas