Quando parte um amigo

parte da gente

segue com ele.


Um punhado de risos

tantos pedaços de sonhos

constelações inteiras

de momentos.


Fica a metade faltosa

o abraço no ar

a parceria da vida,

os pedaços de nós

agora em cacos

sem cola.

Comentários

  1. Leia, minha amiga.

    Recolha os cacos, cole-os à sua maneira e faça uma nova moldura.

    Texto, lindo.

    Um beijo e até mais!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas