me falta o lápis
para te desenhar
elogios mundanos,
então...
carrego a pena
sofrida,
para rabiscar a melodia
da tua ausencia,
nas peles em que te busco.

Comentários

Postagens mais visitadas