Noite adentro a serenata dos poetas...

estou com
um albergue no telhado
para hospedar passarinhos viajeiros
e poetas noturnos,
com viola debaixo do braço e gaitinha
que sopra musica conforme a poesia desliza
entre as nuvens
e os raios brancos da lua.

Comentários

  1. Já o poema é lindo, de uma simplicidade estilosa, gostosa! Voltarei com maior freqüência. Beijão!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas