http://br.olhares.com/americofn


Se fosse o dia anoitecia...

escurecia,
deixava vir a luz
da mulher Lua
nua crua,
merecida fêmea
de longos torpores,
anoitecia...
naufragava no céu
escuro
perfil desenhado
de prata e sonho...

Comentários

  1. Oi, borboleta!

    Lua travestida
    Lua que não aprende
    Lua que mesmo vencida
    Não se rende
    Lua que vem e some
    Lua que te espia
    Lua olho grande
    Parece olho de homem
    Que segue teus passos
    Na areia
    Como se fosse o guia
    Lá vem a onda
    Outra fingida
    Se dizendo chamar Maria
    Beijar teus pés
    Prometendo limpar caminho
    E sorrindo feito José
    Chega a lamber teus joelhos
    Bem devagarinho
    Tentando te arrastar
    Com seus libidinosos apelos
    Para dentro do mar


    MQ

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas