... e foi uma vaga lembrança...nem poesia nem esperança...

Comentários

  1. Receosa em abrir a janela
    Inventou desculpas
    Sem culpa desfez-se das vestes
    E como se fizesse uma prece
    Pôs-se a escrever...

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas