Andar sorrindo
na tarde nublada,
ninguem sabe,
alegria ,
estava dependurada num gancho
tua camisa usada
impregnada de ti,
afagar a veste
é acarinhar teu ser
alí no pano infiltrado
um cheiro diferente
perfume guardado,
bobices
de quem esta apaixonada.

Comentários

Postagens mais visitadas